Férias · Séries · Televisão

Série: LUCIFER

lucifer

Gostaria de começar esse post esclarecendo uma coisinha: LUCIFER NÃO É UMA SÉRIE DE TERROR.

Pra quem está com medo de começar a assistir por conta do nome, eu só tenho a dizer uma coisa: não sabem o que estão perdendo. O gênero da série é fantasia/comédia dramática/ficção policial, qualquer coisa que não seja terror. Essa série não dá medo nem por um segundo, muito pelo contrário, já perdi as contas de quantas vezes eu ri que nem uma condenada por conta de alguma piadinha vinda da parte de quem? Dele mesmo, tio Luci.

source

A série americana é uma adaptação livre (presta bem atenção nessa palavrinha mágica: adaptação, ou seja, não tem nenhuma obrigação de ser exatamente igual) de um personagem criado por Neil Gaiman (autor de American Gods) para a série de quadrinhos “The Sandman” mas que depois ganhou sua própria série no spin-off do quadrinho, “Lucifer” que foi escrito por Mike Carey e publicado pela Vertigo, da DC Comics.

Estreou em 25 de janeiro de 2016 na FOX mas somente no ano passado, após sua estreia na plataforma Netflix, que a série começou a ganhar notório reconhecimento aqui no Brasil.

source (2)

Confesso que, como amante de filmes/séries de terror, comecei a assistir a série achando que era dessa temática, e apesar de surpresa por ser uma série policial e muitas vezes voltada para o lado cômico da coisa, eu me apaixonei de cara, logo, sou suspeita para falar da série, já que ela faz parte da minha listinha de séries favoritas.

Mas também, como é que eu poderia odiar a série quando a primeira cena é justamente essa? Amém Tom Ellis!

giphy

Tom Ellis na pele de Lucifer Morningstar, o senhor do inferno estava entediado no submundo e resolveu abandonar as coisas por lá para viver entre os humanos e escolheu como novo lar a cidade dos anjos, isso mesmo, LA, LA, baby. Em Los Angeles, ele conhece a detective Chloe Decker (Lauren German), acaba gostando de ajudar nas investigações e resolve trabalhar na polícia (LAPD) para “punir as pessoas”.

giphy (7)

Eu gostei tanto da série que assim que terminei a série na Netflix, não me aguentei e fui procurar as outras temporadas. Assisti a segunda e agora estou assistindo a terceira também pelo site Lucifer Brasil, pois eles disponibilizam o episódio legendado geralmente um dia depois de seu lançamento, no caso, na terça, já que os episódios novos sempre saem às segundas.

Para finalizar, o único problema de assistir essa série é que quando você percebe, você está completamente apaixonada pelo diabo.

giphy (2)

 

A série também está disponível no Vizer e na plataforma Popcorn Time.

E para os comentários do tipo “ah, essa série é do diabo” “quem vê isso não vai pro céu” e “isso não é de Deus” eu deixo apenas o gif do tio Luci para representar a minha reação:

giphy (10)

Anúncios

13 comentários em “Série: LUCIFER

  1. Oi xará, adorei seu blog e fiquei muito feliz ao ler esse post.

    Costumo gostar de tudo que já li ou vi baseado em Neil Gaiman e quando fiquei sabendo que tinha saído a série na Netflix me animei em ver, logo depois ouvi algumas críticas que me desanimaram um pouco e acabei deixando passar, mas como você ressaltou é uma adaptação livre, já me deu um alívio e me animei novamente com o seu post !!

    Obrigada! seguindo seu blog 🙂

    Curtido por 1 pessoa

    1. Oi xará, que bom ter você aqui no meu cantinho ♥
      Eu vi algumas críticas soltas sobre a série por aí, mas é porque tem uma galera muito chata que acha que tudo que é adaptação livre precisa ser fiel ao original (quando digo isso nem estou me referindo apenas a Lucifer mas também a séries maravilhosas como The Flash e Gotham), mas não tem nada disso. É uma série muito divertida e gostosa de se ver, vale a pena começar! Depois me conta o que achou da série! Beijos!

      Curtido por 2 pessoas

  2. Adorei a crítica, e preciso dizer q enrolei muito pra ver a série, porém quando vi de cara viciei, é pior de tudo, religiosamente as pessoas gostam de falar mínimo, é são as que menos tem noção do que falam, pois se estudar a fundo a personalidade que a bíblia monta do tio Lu, bate muito com o personagem representado na série… Uma ótima série!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s